Sexta-Feira da Paixão!

A  data nos faz pensar a respeito do tema…
Muitas ideias diferentes se apresentam à nossa mente…
Mesmo assim, falar o que?
Que a “sexta-feira”, chamada “santa”, é uma das comemorações cristãs mais importantes quando se fala em aprofundar as nossas reflexões?!
Por quê?
Porque traz até nós a personificação da caridade, da benevolência, da abnegação…
Da redenção, da compaixão…
“Sexta-feira  da  Paixão”…
Do amor puro!

A entrega total de um ser iluminado, divinizado, que deixou a sublimidade das esferas superiores para, como um beija-flor mergulhado no pântano, nos trazer o “reino de Deus” retratado em esperança, coragem e fé!  

Simbolizando a vontade de seguir sempre aprendendo e crescendo espiritualmente. Isso tudo na figura doce, meiga e mágica de Jesus de Nazaré!

 

 

Mas nós não o entendemos, imaginávamos que Ele seria o Salvador das dores materiais, sem que tivéssemos que fazer nada, das diferenças políticas que nos afligiam, esmagando os nossos adversários, julgamos que Ele seria somente um rei, um rei de barro e ouro, como aquele bezerro que adorávamos no deserto do Sinai…
Mas Ele não era esse tipo de rei…
E nós não percebemos, não entendemos…
Não entendemos seu reinado de paz e não de violência.
Não entendemos seu reinado de irmandade e não de divisões.
Não entendemos seu reinado de humildade e não de egoísmo.
Não entendemos seu reinado de amor e liberdade…
Enfim…                                                                               
O crucificamos…
Sem piedade, sem benevolência, sem dar-lhe chance alguma de habitar o nosso coração.
E agora?
Agora, passado tanto tempo…

 

Nos esforçamos para reaver tudo o que perdemos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>