E o Natal chegou e se foi…

Está terminando o dia…
Preguiça, soninho, aquela sensação de que o corpo está mais pesado…
Falamos tanto sobre “ele” e já acabou!
Reunimos a família, os amigos (até os inimigos…kkk).
A “festa da firma” vai deixar saudades, seja pela confraternização ou pela quantidade de falatórios, mas não importa, foi bom, foi legal!
Já é passado, virou história!

Distribuímos os presentes comprados na correria dos últimos dias, “amigo secreto”, “amigo oculto”… recebemos em troca, uns valeram, outros nem tanto, teve até aquele que, cá pra nós, quem teve essa idéia, fala sério… kkk.
Não faz mal, já acabou e foi tão rápido!

A salada da tia, a farofa da vovó, o “peru”, o “tender”, aquela comilança toda, tanto doce que não cabia na mesa, parece que cada um traz para si e para toda a população… kkk.
e o pior é que conseguimos comer “de todos”!
Aí ficamos com remorso com tantas calorias, mas não faz mal, é apenas uma vez por ano, ainda bem!
Valeu muito, foi bom, parece que a noite durou apenas um instante, já passou, foi para o “instagram”, “ta no face” em tempo real…todo mundo viu…kkk.
Vai ficar no “álbum” de nossas lembranças!

E o dia vai terminando…

Aqueles que dormiram a tarde toda, aparecem na sala com a cara mais amassada que a “uva” da maionese de ontem.
Que pena, está acabando!
Com muitos deles, vamos nos encontrar novamente só no próximo Natal, isso, se tudo der certo, portanto é bom aproveitar esse encontro até o finalzinho!
Risadas, choros, empurrões, sorrisos, gritaria.
A criançada participou como pode!
A cada Natal eles deixam a infância um pouquinho mais longe, talvez no próximo a barulheira não seja tão grande, que pena!
Alguns faltaram, não puderam vir.
Outros não estão mais entre nós, mas deixaram suas lembranças.
Outros estão para chegar, aguardamos com muita ansiedade o seu primeiro Natal.

Ainda tem um pouco da “ceia, alguém tá afim?!”
Tem sempre aquele que “arrisca”…kkk.

E assim vivemos mais um Natal.

 

 

Histórias, sentimentos, emoções.
Encontros, desencontros.
Assim foi o nosso Natal!
Terminou…
Não faz mal, ano que vem tem mais!

 

 

 

Agora é seguir o calendário.
Amanhã é outro dia, a espera agora é para a chegada do Ano Novo!
A turma é outra, a festa é outra, novas expectativas, novos encontros.
Então vamos:
O Novo Ano esperar!
Nos abraçar, boas vibrações desejar e, na praia, na cidade, na fazenda, em qualquer lugar a esperança renovar!

 

Que venha o Ano Novo, pois é lá que vamos nos reencontrar!

Até lá!!!

FELIZ ANO NOVO!!!

 

De novo é Natal!

A guirlanda pendurada em nossa porta indica o caminho:

“Entre, esta é uma casa cristã e o Natal é a grande festa cristã.

Seja bem vindo!

Ele está para chegar!”

O Natal é uma festa que nos leva a repensar, meditar, a buscar a renovação, deixar o velho e seguir o novo. Voltar os olhos para o horizonte e vislumbrar a grandiosidade do mundo do qual fazemos parte, percebendo que não existe fim, somente começos e não se faz tarde para quem quer descobrir o caminho que leva a Manjedoura Divina…

 

 

O pequeno Menino-Luz sorri e nos convida a seguir em frente, firme e amoroso!
Que esta noite seja de paz, a mais linda e encantadora noite feliz.
A mais linda,  encantadora e feliz noite de Natal.
O Natal do Amor, da Fé, do Otimismo e da Esperança.

Que os nossos corações estejam unidos ao coração do menino Jesus e possamos, assim unidos, sentir a força mágica do Amor, pois afinal, de novo é Natal!

Aproveitemos a festa mágica do Natal para amar e renovar!
FELIZ NATAL!!!

O NATAL É LUZ, É COR, É AMOR!

Antes de mais nada estamos aqui para relembrar…

Dezembro chegou e com ele a proximidade dos festejos da maior e mais luminosa festa cristã: o NATAL!

Muito difícil não se deixar levar pela magia desta data, buscando os muitos “natais” de nossas vidas, o tema nos faz lembrar, especialmente, da ansiedade,  novenas, das flores da igreja, da casa toda enfeitada, do cheiro gostoso da comida, dos doces, do bolo e do pão doce da casa da vovó, do refrigerante que só chegava até nossa mesa na noite de Natal, do abraço do padrinho, das brigas com os primos, da “missa do galo”, dos presentes, das visitas, das roupas novas, do presépio, das grandes e coloridas árvores enfeitadas com pequeninas lâmpadas que ficavam piscando numa cadência perfeita e tão mágica…
O Papai Noel e as músicas suaves que nos falavam de uma “noite feliz”.

Um dos primeiros  sinais para indicar a chegada da festa é a chamada “coroa do Advento”, a charmosa “guirlanda” que colocamos pendurada na porta de entrada das nossas casas.
A tradicional guirlanda de Natal é feita de folhas verdes e nela coloca-se quatro velas e quatro laços, normalmente de cor vermelha.
No primeiro domingo durante a primeira semana do Advento, acende-se uma vela; no segundo domingo acendem-se duas; no terceiro, três; e, no quarto, quatro velas.
Com a aproximação do Natal, cresce a luz na coroa, indicando que a luz do “menino Jesus” está chegando! É a festa de luz por excelência!
A forma circular lembra-nos o círculo do ano, o tempo de nossa vida, o vai e vem, na qual Jesus está presente!

Enfeites e decorações de muitas cores brilhantes simbolizam a luz do Natal, a alegre espera para a chegada do Senhor Jesus!

A magia desta data se solidifica no nosso íntimo, sempre através da união festiva com os amigos e com aqueles a quem amamos, portanto deixemos fluir o mais profundo sentimento de solidariedade e fraternidade e vamos nos envolvendo na luminosidade e brilho da FESTA MÁGICA DO NATAL…