Um carnaval inesquecível!

E não foi só isso não!

O melhor ainda estava por vir!

A festa carnavalesca continuava a todo vapor, já tínhamos curtido algumas matinês e estávamos nos preparando para mais uma noite de folia.

A banda tocava como sempre, lembrando que o palco sofrera avarias em noite anterior, por isso estava mais estreito e os músicos se concentravam no centro dele.

A noite ia alta e a folia intensa!
Brincávamos com muita alegria, fazíamos muitas amizades e a diversão era garantida!

Em determinado momento, o cantor, um rapaz franzino, baixinho e de voz aguda, foi fazer um “voleio”, dando um agudo com os olhos fechados e… caraca!!! Despencou do palco com tudo!

Depois do barulhão percebeu-se que o cantor havia caído do palco!

Foi mais um susto…

Até hoje não se sabe ao certo o verdadeiro motivo da queda, diziam uns que ele estava bêbado, outros que estava tonto de tanto cansaço, outros até que estava apaixonado… enfim…
Sabe-se lá o que aconteceu, o fato é que o rapaz veio abaixo como uma fruta madura!

Felizmente não se feriu gravemente, apenas alguns arranhões e hematomas, principalmente no olho esquerdo.

Como o show tem que continuar…

Após receber cuidados médicos retornou ao palco e terminou mais uma noite de carnaval!

Desde o início naquele trem apertado, quente e sufocante, até a nossa despedida dias depois da folia, tenho lembranças divertidas daquela época, uma cidade hospitaleira, afetuosa e que me proporcionou um dos melhores carnavais da minha juventude!

Foi um carnaval verdadeiramente inesquecível!!!

Sinto falta da simplicidade da festa, das brincadeiras, das amizades e da alegria imensa que vivemos naqueles dias que já vão muuuito longe…

Fiz inúmeros amigos que mantive por um bom tempo, até que a vida, seguindo seu curso nos separou e cada um seguiu seu caminho.
Se tornaram médicos, dentistas, delegados, enfermeiras, alguns se casaram, com filhos, sem filhos, outros se mantiveram solteiros….

A vida sempre segue seu curso!

 

Não mais encontrei aquela turma, mas, com muito carinho, os tenho guardados na minha “caixa de retalhos” e o bom é que posso reencontrá-los quando desejar, porque moram no meu coração e são “retalhos” admiráveis e amorosos!

Quando me lembro destes fatos, fico feliz por ter vivido experiências tão enriquecedoras, se boas ou ruins, se adequadas ou não, se foi tudo o que esperava ou não, não importa, importante é que, como diz o poeta: “emoções eu vivi!”

 Posso abrir minha “caixa”, repleta de cores, formas e tamanhos e deixar fluir o que de melhor existe: meus retalhos coloridos!

Tantas coisas para contar… Para relembrar, refletir, imaginar, sonhar!

 

São pequenas partes, como uma colorida colcha de retalhos, aonde um vai se unindo ao outro harmoniosamente formando um maravilhoso todo:  a minha vida!  Ou não?!

 

 

 

 

 

AMO CARNAVAL!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>