História de Nossa Senhora do Carmo

16 de Julho – Nossa Senhora do Carmo

 Nossa Senhora do Carmo ou Nossa Senhora do Monte Carmelo é um título consagrado à Virgem Maria.

A sua festa litúrgica é comemorada pelos cristãos no dia 16 de Julho.

A palavra Carmo ou Carmelo significa jardim.

Este título apareceu com o propósito de relembrar o convento construído em honra da Santíssima Virgem Maria nos primeiros séculos do Cristianismo, no Monte Carmelo, em Israel.

Tem origem no século XII, quando  um grupo de eremitas começou a se formar no monte Carmelo, na Palestina, terra Santa, iniciando um estilo de vida simples e pobre, ao lado da fonte do profeta Elias.

Lá, esse grupo de eremitas construiu uma pequena capela dedicada a Senhora do Carmo, ou Nossa Senhora do Carmelo.

Devido ao lugar, esse grupo foi chamado de carmelitas

Os carmelitas foram obrigados a ir para a Europa fugindo da perseguição dos muçulmanos. Aí se espalhou ainda mais a Ordem do Carmelo.

 

O Escapulário de Nossa Senhora do Carmo, tradição do Carmelo

Em 16 de julho de 1251, São Simão um dos mais piedosos carmelitas que vivia na Inglaterra, vendo a Ordem dos Carmelitas ser perseguida até estar prestes a ser eliminada da face da terra, ele sofria muito e pedia socorro a Nossa Senhora do Carmo.

Sua oração, que os carmelitas usam até hoje, foi a seguinte:
Flor do Carmelo, vide florida. Esplendor do Céu.
Virgem Mãe incomparável.
Doce Mãe, mas sempre virgem.
Sede propícia aos carmelitas.
Ó Estrela do mar.

Então Maria Santíssima, rodeada de anjos, apareceu para São Simão, entregou-lhe o Escapulário e lhe disse:
Recebe, meu filho muito amado, este escapulário de tua ordem, sinal do meu amor, privilégio para ti e para todos os carmelitas. Quem com ele morrer não se perderá. Eis aqui um sinal  da minha aliança, salvação nos perigos, aliança de paz e amor eterno.

 

A partir desse milagre, o escapulário passou a fazer parte do hábito dos carmelitas.

A palavra escapulário, vem do latim, escápula, que significa  armadura, proteção.
O escapulário é uma forma de devoção a Maria Santíssima.
O uso do escapulário é um sinal de confiança em Nossa Senhora do Carmo.
A pessoa que o usa, é coberta com a proteção e as graças da Virgem Do Carmo.

O escapulário, segundo o Concilio do Vaticano II é um Sacramental, um sinal sagrado, obtendo efeitos de proteção da Igreja Católica.

Santa Tereza dizia que: portar o escapulário, era estar vestida com o hábito de Nossa Senhora.

Simão Stock tratou então de divulgar a irmandade do escapulário e convidar o mundo católico a participar dos grandes privilégios anexos.

Entre os devotos do escapulário de Nossa Senhora do Carmo, vêem-se Papas, Cardeais e Bispos.
O Escapulário teve uma aceitação favorável e universal entre o povo católico. Neste sentido, só é comparável ao Rosário.
Traz muitas indulgências, graças e outros benefícios espirituais a quem assume este sinal e esta proposta como seus.

 

 

Nossa Senhora, a melhor de todas as mães, quer para seus devotos filhos não somente os benefícios espirituais, mas também os temporais.
Assim, quem porta seu Escapulário recebe d’Ela uma proteção especial nos perigos da vida quotidiana.

Concedei-me vossas graças,
Virgem do Carmo, Maria,
pois o santo Escapulário
levo com fé, noite e dia.
…………………………………………………………………………………………………….. 

Fontes de pesquisa:
http://www.cruzterrasanta.com.br

http://www.paulinas.org.br

https://pt.wikipedia.org

……………………………………………………………………………………………………………..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>